DJ Koh, CEO da área mobile da Samsung, falou com CNET sobre um possível telefone desdobrável, que a Samsung muito deseja apresentar… E deixou dicas que nos podem fazer supor que já não falte muito para chegarmos aqui…

A história é longa… No Consumer Electronic Show de 2013 (CES 2013), a Samsung mostrou um display OLED flexível… Estamos no final de 2018… O que será que a Samsung conseguiu desenvolver durante estes 5 anos?

Enquanto que no CES 2013 apenas foi mostrada a tela desdobrável para ser incorporada num qualquer produto novo, desta vez, durante a apresentação Galaxy A9, o CEO da Samsung Mobile afirmou que se um produto desta natureza viesse a ver a luz do dia, não seria para “entre 6 a 9 meses depois ser retirado do mercado”.

Aquilo que se pretende é que o nosso telefone desdobrável no futuro, uma vez desdobrado venha a funcionar de facto como um tablet, usando a tela grande em pleno e com capacidade de realizar multitarefas. E que caiba no bolso, é claro.

Koh sugeriu anteriormente que este novo aparelho, poderia vai ser apresentado na conferência de desenvolvedores da Samsung, onde ele vai fazer a palestra de abertura, e que se realiza a 7 de novembro deste ano. Mas isto é dúbio, porque este “leak” vem acompanhado de um pesado “mas”… Isto porque pode ser apresentado em Novembro, “mas” só se nessa altura o aparelho conseguir atingir os padrões de qualidade necessários para que não seja retirado do mercado quase logo de seguida…

Quem tem algo novo para apresentar, tem medo…

A Huawei está a planear lançar um aparelho desdobrável em quantidades limitadas em 2019… E a Lenovo e a Xiaomi também…

E os analistas internacionais sabem que a LG investiu fortunas a desenvolver um écran desdobrável ou flexível, e no inicio de 2018 mostrou até um protótipo de televisão, que se dobra e para não ocupar espaço, fica do tamanho de uma caixa…

Por outro lado há mais dados importantes. Em primeiro lugar, um telefone que pudesse realmente vir a substituir um tablet terá que se confrontar obrigatoriamente com os padrões de exigência do IPad Pro, sobre o qual Tim Cook disse ser o futuro dos computadores pessoais… Até porque de outra forma os “tablets” continuaram no mercado, ou de nada valerá ter um telefone desdobrável…

Por outro lado, uma conferência de desenvolvedores parece um local estranho para a Samsung anunciar um produto que é tão esperado há tantos anos. E por isso, a apresentação numa conferência de desenvolvedores sugere-nos que a única coisa que poderá vir a ser apresentada é um novo protótipo…

Há ainda outro detalhe: A Apple lançou o Iphone X no 10º aniversário do Iphone… E o 10º aniversário dos smartphones Samsung Galaxy é para o ano que vem… E o que vai apresentar a Samsung de revolucionário nessa altura?

Caminhamos para um aparelho faz-tudo?

Eventualmente, mas não sabemos quando.. A Bloomberg anunciou no ano passado, que fontes anónimas “familiarizadas com o assunto”, sabiam que a Samsung se preparava para anunciar durante 2017, dois modelos de telefones flexíveis e com telas dobráveis… Mas não aconteceu…

Na altura falava-se principalmente num telefone com a capacidade de ser dobrado ao meio, como um estojo compacto. E num outro smartphone de 5 polegadas, com a capacidade de se desdobrar e funcionar como um tablet…

Não sabemos se de facto esta ideia passou de uma intenção: “Não podemos comentar sobre a especulação no mercado”, disse a empresa.

Uma coisa é certa: as recentes apresentações do iPhone XS Max e do Pixel 3 XL, mostram que a tendência é efectivamente aumentar e a sério a tamanho da tela. É isso que os consumidores querem.

Mas há um novo “Leak”…

Segundo um novo relatório, o telefone desdobrável da Samsung pode ser lançado no início de 2019. Até já tem nome de código e tudo: “Winner” ou Vencedor. Esse rumor vem via fonte não-identificada que terá falado ao Wall Street Journal.
Desta feita fala-se num modelo de sete polegadas que chegará no início de 2019, eventualmente durante o Mobile World Congress. Por aquilo que se sabe até agora, o seu nome será “Galaxy X”, até para disputar a nova geração de telefones da Apple.
Pensa-se que o telefone será apresentado nessa altura porque a Samsung está em concorrência com a Huawei, e a Huawei vai mesmo lançar um telefone desdobrável nessa altura.
Aceite a sugestão do Bit2Geek e leia Chave-Digital para carros, no smartphone, chega em 2019