GPT-2 Algoritmo

E porque não colocar uma inteligência artificial a escrever um texto em tempo real? A aplicação Talk to Transformer permite isso. Está disponível numa página web. Nela, tudo o que temos que fazer é lançar uma palavra ou frase que dê ao algoritmo um tema. Depois, é ficar a vê-lo gerar textos. Os resultados são surpreendentemente coerentes, embora possam não fazer o sentido que esperamos a partir do nosso input inicial.

Tornar Acessível o Poder da Inteligência Artificial

GPT-2 Algoritmo
Talk to Transformer: Interface para produzir textos criados por Inteligência Artificial.

Criado por Adam King, investigado em Inteligência Artificial, o Talk to Transformer é uma forma simples e acessível de interagir com algoritmos do tipo GPT-2. Cobrimos recentemente as capacidades desta tecnologia. Um algortimo que a OpenAI se recusa a libertar na forma mais completa por temer as consequências. Este algoritmo está treinado para tentar predizer uma palavra que se siga a outra. Esta implementação usa a versão 345, assim denominada por conter 354 milhões de parâmetros.

E porque não…  experimentar? Para já, esta implementação só funciona bem em inglês. Demos à Inteligência Artificial o input “Welcome to Bit2Geek, where science and technology…”. O algoritmo devolveu-nos a promissora frase “is used as a means to bring about social justice in our world through technology”. Mas, em seguida, criou um texto com quatro parágrafos, que de forma imprevisível falava conferências sobre bitcoin. Suspeitamos que o termo bit em Bit2Geek tenha levado o algoritmo a pensar que teria de criar um texto sobre criptomoedas. Estes resultados mostram que esta tecnologia permite criar textos coerentes. Mas, no entanto, não tem ainda a capacidade de os levar em sentidos que não sejam aleatórios. No entanto, é suficiente para criar pequenos textos indistinguíveis do que um humano poderia escrever.

***IMPORTANTE***

Não se esqueça de ajudar o Bit2Geek a crescer nas redes sociais, para termos mais colaboradores e mais conteúdo, 👍? A sua ajuda muda tudo!

 

***E clique em baixo para saber mais…

Economia Digital, Inteligência Artificial e Fake News: Desafios Europeus a curto prazo

Artigo anteriorSabia que… Pode Construir o Seu Cão-Robot em Casa?
Próximo artigoNASA escolhe a MAXAR para começar a Fase 1 da Missão Artemis
Professor de TIC e coordenador PTE no AEVP onde dinamiza os projetos As TIC em 3D, LCD - Clube de Robótica; Fab@rts: o 3D nas Mãos da Educação, distinguido com prémio de mérito da Rede de Bibliotecas Escolares. Distinguido com o prémio Inclusão e Literacia Digital em 2016 (FCT/Rede TIC e Sociedade). Licenciado em ensino de Educação Visual e Tecnológica, Mestre em Informática Educacional pela Universidade Católica Portuguesa. Correntemente, frequenta pós-graduação em Programação e Robótica na Educação pelo Instituto de Educação da Universidade de Lisboa. Tutor online na Universidade Aberta. Formador especializado em introdução à modelação e impressão 3D em contextos educacionais na ANPRI (Associação Nacional de Professores de Informática) e CFAERC. Co-criador do projeto de robótica educativa open source de baixo custo Robot Anprino. Colaborador do fablab Lab Aberto, em Torres Vedras. O seu mais recente projeto é ser um dos coordenadores do concurso 3Digital, que estimula a utilização de tecnologias 3D com alunos do ensino básico e secundário.