A partir da análise de uma imagem, este algoritmo de inteligência artificial desenvolvido pela Nvidia é capaz de a recriar como modelos 3D realista. Consegue inferir quer a forma tridimensional que a texturização do modelo.

Modelos de Aprendizagem Automática e 3D

modelos

Este projeto da Nvidia utiliza um algoritmo de inteligência artificial baseado numa rede neural denominado de DIB-R (differentiable interpolation-based renderer). Esta rede neural é treinada com diferentes bases de dados de imagem. Estas incluem fotografias, recriação de fotos em 3D, modelos 3D vistos em múltiplos ângulos, e fotos de objetos vistos de múltiplos pontos de vista. Este algoritmo é muito rápido. Após a fase de treino, consegue gerar modelos 3D baseados numa foto 2D em menos de 100 milissegundos.

Esta capacidade de processamento permite um grandes potencial para esta tecnologia. Para além do seu usos óbvio em indústrias que usam extensivamente modelos 3D, como efeitos especiais, jogos ou artes digitais, tem também impacto no desenvolvimento de sistemas autónomos. Em contextos de visão computacional, este algoritmo poderá dotar veículos autónomos ou robots da capacidade de modelar internamente em 3D objetos do real, a partir dos fluxos de vídeo dos seus sensores. Outra aplicação está no desenvolvimento de câmaras de videovigilância capazes de gerar modelos 3D de pessoas, rastreáveis ao longo do seu campos de visão.

***IMPORTANTE***

Não se esqueça de ajudar o Bit2Geek a crescer nas redes sociais, para termos mais colaboradores e mais conteúdo, 👍? A sua ajuda muda tudo!

***E clique em baixo para saber mais…

Robôs domésticos, de socorro ou médicos. A realidade já esteve mais longe da ficção

Artigo anteriorPorque é que ainda não há carros voadores?
Próximo artigoO Habitat espacial da Axiom Space e as comunicações 6g.
Professor de TIC e coordenador PTE no AEVP onde dinamiza os projetos As TIC em 3D, LCD - Clube de Robótica; Fab@rts: o 3D nas Mãos da Educação, distinguido com prémio de mérito da Rede de Bibliotecas Escolares. Distinguido com o prémio Inclusão e Literacia Digital em 2016 (FCT/Rede TIC e Sociedade). Licenciado em ensino de Educação Visual e Tecnológica, Mestre em Informática Educacional pela Universidade Católica Portuguesa. Correntemente, frequenta pós-graduação em Programação e Robótica na Educação pelo Instituto de Educação da Universidade de Lisboa. Tutor online na Universidade Aberta. Formador especializado em introdução à modelação e impressão 3D em contextos educacionais na ANPRI (Associação Nacional de Professores de Informática) e CFAERC. Co-criador do projeto de robótica educativa open source de baixo custo Robot Anprino. Colaborador do fablab Lab Aberto, em Torres Vedras. O seu mais recente projeto é ser um dos coordenadores do concurso 3Digital, que estimula a utilização de tecnologias 3D com alunos do ensino básico e secundário.